7 dicas para quem quer fazer uma mudança de carreira

A insatisfação com o trabalho ou o desejo crescente de realizar outras atividades profissionais são os principais motivos que despertam a vontade por mudança de carreira.

Porém isso não precisa ser encarado com dificuldade, há possibilidades reais de fazer essa transição. As vezes nos vemos em um beco sem saída, contudo sempre há uma solução.

Mudança profissional

Sua insatisfação no trabalho pode parecer que está lhe prejudicando demais, contudo há sempre uma saída.

E talvez, a solução que você estava tanto procurando estará chegando bem mais abaixo… Então, fica com a gente até o final que você poderá se surpreender.

Qual a hora de realizar uma mudança de carreira?

Você olha para sua rotina de trabalho, suas funções e realizações e nada disso te satisfaz.

Quando projeta um futuro na sua carreira e os projetos que irá conquistar, nada disso tem real significado para você.

Sensações que não te motivam em relação ao seu trabalho é o primeiro sinal de que você precisa rever sua trajetória e talvez essa seja hora de fazer uma mudança de carreira profissional.

Muitos são os motivos que levaram você até esse momento.

Uma carreira que foi escolhida de forma equivocada desde o começo ou o trabalho que naturalmente se tornou chato para você.

Sua vida ganhou novos rumos e sua profissão não condiz com os valores que você adquiriu ou até mesmo o mercado de trabalho ganhou novas vertentes e você passou a desenvolver interesse por outras áreas.

mudar de carreira

Momento das mudanças

Mas independente de quais tenham sito os porquês que despertaram seu interesse em mudar de carreira existem dois pontos que você precisa ter claros nesse momento:

  • Está acontecendo uma mudança e todas elas causam euforia e medo, mas ficar onde está não vai te causar nada de novo.
  • Uma boa transição depende muito dos seus esforços e um planejamento bem estruturado.

Muitas pessoas realizam transições como essa, mas não há uma receita pronta para todos, ainda mais no momento atual da economia brasileira é preciso ter cautela para mudar de carreira na crise.

 

Como fazer uma mudança de carreira

Suas habilidades, desejos, valores, relações familiares, condições financeiras, são pontos que interferem diretamente nesse processo e que precisam ser levadas em consideração. Então, sua questão é: Quero mudar de carreira. O que fazer? Se liga mais abaixo que temos algumas dicas…

1. Reserva financeira

A grande questão numa mudança de carreira é que tudo estará iniciando para você. Lembra-se da época em que você iniciou a trabalhar, que ganhava pouco e não tinha nenhuma experiência?

As coisas funcionarão naquele ritmo, novos ambientes de trabalho, novas funções, novo modo de pensar e de agir. Tudo passa a ser novo.

Reserva financeira para mudar de carreira

É importante ter uma reserva financeira para se fazer uma mudança de carreira.

A grande diferença é que você já é um profissional experiente, possui bagagem de outras vivências e o ambiente de trabalho passa a ser um campo conhecido.

Financeiramente, isso pode implicar em salários abaixo do seu atual e isso interfere diretamente no seu estilo de vida.

Uma boa reserva nesse momento se faz necessário para garantir uma mudança de carreira sem preocupações e que não te obrigue a desistir de mudar de carreira.

2. Mercado de trabalho

Você já sabe que o mercado de trabalho não é o sonho que desenharam quando você fez um teste vocacional ou decidia para que prestar o vestibular.

O mercado de trabalho é voraz e às vezes impiedoso e não vamos nos iludir acreditando que as coisas vão mudar.

O mercado de trabalho segue uma dinâmica entre serviço e público consumidor. Então é preciso estudar bem essas vertentes, entender como elas funcionam e tomar a decisão mais acertada.

É muito bom trabalhar com o que gosta e achar propósito nisso, mas precisa ser algo que te der retorno financeiro, pois o trabalho é que paga as contas.

3. Ouvir experiências

Já disse que para cada caso, há um caminho de sucesso ou de derrotas quando opta por uma mudança de carreira.

Mas ouvir as experiências de quem já passou por isso é inspirador e esclarecedor. Pode ser o norte que você buscava para solucionar algumas questões que ainda formam na sua cabeça.

Ouvir experiências para mudar de carreira

Ouvir experiências

O que vale ser ressaltar é que você não deve se deixar influenciar pelas sensações que as pessoas vão tentar te passar.

Isso pode causar algum entrave, mas ouvir seus relatos, como conseguiu superar as dificuldades ou até mesmo os pontos de falhas abrem seus olhos para o real processo que você está vivendo.

4. Invista em formação

Você precisa ter ao seu favor o maior contingente de informações necessárias para essa nova carreira. Hoje temos a internet como uma grande central de informações, comece por ela.

Assista vídeos com palestras sobre o tema, leia artigos, busque cursos simples online. Essas são as ferramentas ao seu alcance para lapidar as primeiras questões que passam pela sua cabeça.

O conhecimento chega como uma luz e tende apenas a crescer. Com isso você pode investir numa pós-graduação, um curso intensivo ou uma graduação tecnológica.

5. Networking

Nada gera mais retorno numa carreira que uma boa rede de relacionamento profissional. Não se esconda do mercado, muito pelo contrário, se faça visto. Mostre para seus atuais contatos que você está num processo de transição.

Crie uma rede de contatos para mudar de carreira

Crie uma rede de contatos

Eles podem ser uma ponte para novas conexões, pois já conhecem seu potencial. Mas não se limite a isso, explore novos nichos, faça novos contatos, conheça gente nova, se exponha.

Entender como funciona a cabeça de quem já trabalha na área te ajudará no seu processo de criação e também é uma ligação para futuros projetos.

6. Saúde

Fazer uma mudança de carreira exige muito do seu raciocínio e do seu corpo. Os dois precisam estar em sintonia e funcionando bem para que o trabalho se desenvolva.

Um bom passo é buscar um médico, fazer uma bateria de exames e ver como está a saúde. Fazer exercícios físicos, dormir bem e cuidar da alimentação são essenciais, você não conseguirá desenvolver nenhuma tarefa se seu corpo não funcionar bem.

E não se esqueça de cuidar da mente, ter momentos de lazer e bem estar, buscar estar sempre próximo de pessoas que te fazer bem.

7. Qualidade para mudar de carreira

Digo que não há idade para mudar de carreira. O que existe é o peso que carregamos com nossa idade e que nos causam medos dessas mudanças.

Mas pense comigo, você prefere arriscar uma coisa nova ou viver na certeza com algo que não te causa bem? Cada idade carrega um peso para essas mudanças, mas também há vantagens com todas elas.

Aos 25 anos a cobrança dos pais para que enfim a carreira comece, mas nessa idade você pode arriscar experimentar diversos setores e possibilidades.

Nos 35 anos você já batalhou por muitas conquistas e teoricamente deveria estabelecer novos desafios dentro do que já foi conquistado, mas seu conhecimento abre a mente para pontos que você não via na época do vestibular.

E aos 45 anos parece que já foi feito mais da metade e que você deve esperar a aposentadoria, mas atualmente o mercado está em busca de profissionais de outras áreas, mas com pulso e experiência para gerir novos projetos.

Idade para mudar de carreira

Idade para mudar de carreira

Todos são pesos grandes e você quem decide a forma como deve carregar. Lembre-se que apesar do tempo cronológico, há um tempo mental, em que experiências e aprendizados criam algo chamado conhecimento e isso pode nos manter jovens pela vida inteira.

Como ter liberdade com a internet