Intercâmbio na Nova Zelândia: tudo o que você precisa saber

Na dúvida de onde fazer o seu intercâmbio? Você gosta de manter o contato com natureza? Gosta de montanhas? Que tal ir para um país onde a cultura dos povos nativos ainda é fortíssima? Então já sabemos para onde você deve ir! Sim, intercâmbio na Nova Zelândia é para você.

Muitas pessoas têm optado pelo intercâmbio na Nova Zelândia por suas belezas naturais, pela riqueza cultural dos povos maoris e também pelo fato de poder trabalhar no país durante o curso. Isso mesmo! Você consegue estudar, conhecer lugares incríveis e ainda ganhar um dinheiro para te ajudar a cobrir as despesas por lá.

intercâmbio Nova Zelândia

Muitas pessoas têm optado pelo intercâmbio na Nova Zelândia por suas belezas naturais, e pela riqueza cultural dos povos maoris.

Para quem quer fazer intercâmbio fora do país, opções são o que não falta! Os intercambistas geralmente ficam em dúvida entre Canadá, Estados Unidos, Irlanda, Austrália e Nova Zelândia. Dúvida cruel, não é mesmo?

Quais as melhores cidades para intercâmbio na Nova Zelândia?

Boas opções são o que não falta!  A melhor opção é aquela que casa com as suas expectativas em relação à um intercâmbio na Nova Zelândia e também as suas preferências pessoais. Morar em cidades pequenas, morar em cidade grande? Praia ou montanha?

1- Queenstown

Ela é a queridinha quando o assunto é intercâmbio na Nova Zelândia, por quê? Porque Queenstown é de uma natureza extremamente impressionante, deixando muitas rotas de intercâmbio no chinelo. Como competir com essa vista?

intercâmbio Nova Zelândia

Vista da Gondola

A cidade recebe muitos turistas o ano todo, especialmente no inverno. Conhecida mundialmente como a capital dos esportes radicais. Queenstown recebe muita gente jovem, dando um ar boêmio e festivo a cidade.

Outro motivo que leva muitos estudantes a escolherem essa queridinha da ilha sul é o mercado de trabalho aquecido. O turismo é o principal motor da economia local e por isso existe muita oferta de trabalho no setor de prestação de serviço.

2 – Auckland

Auckland é bem diferente de Queenstown e é recomendada para estudantes que preferem a energia das grandes metrópoles. A cidade é rica em diversidade cultural e já foi eleita a 10* melhor cidade do mundo para se viver.

intercâmbio Nova Zelândia

Praia de Piha, Auckland

A beleza natural de Auckland é outra, construída em cima de 50 vulcões, é cheia de seus “altos e baixos”. É possível ter vistas incríveis de Auckland a partir de seus pontos mais altos. A cidade conta com 2 praias relativamente próximas, a de Mission Bay e a Piha, preferida pelos surfistas, mas com uma vista a ser curtida por todos.

3 – Wellington

No extremo sul da ilha norte, Wellington é a capital da Nova Zelândia e outra ótima opção para o seu intercâmbio na Nova Zelândia.

Uma grande cidade, parecida com Auckland, mas com uma beleza natural que faz lembrar Queenstown. Cidade bastante cosmopolita e com muita vida de dia e de noite. O centro de Wellington é bem agitado e com um dos melhores museus do país, o Te Papa.

É muito interessante viver num país onde os povos nativos (maoris), vivem com os colonizadores (ingleses) e mais o mundo todo que acaba imigrando para lá em busca da tão sonhada qualidade de vida.

Haka: tradicional dança do povo Maori:

O diferencial do intercâmbio na Nova Zelândia é realmente a sua exuberância natural. Diversas regiões vulcânicas, montanhas gigantescas, lagos incrivelmente lindos e tudo isso num país minúsculo, se comparado com os Estados Unidos e Canadá.

Além do que, a imersão cultural na Nova Zelândia acaba sendo muito maior. Por ter um fuso horário tão distante do brasileiro, são 14 horas de diferença, enquanto tudo acontece do lado ocidental do mundo, você está dormindo na Nova Zelândia.

intercâmbio Nova Zelândia

Região vulcânica de Rotorua. Veja que lugar incrível… É de deixar qualquer um de queixo caído!

Aos poucos isso acaba sendo um dos motivos para você interagir mais com a cultura e com as questões locais, tornando o seu intercambio na Nova Zelândia muito mais rico e diverso.

Agora, veja também outros assuntos interessantes no vida de freesider que você também irá curtir muito…

1 – Países que lideram o ranking para trabalhar como estrangeiro em 2017

2 – 8 motivos para fazer intercâmbio na Irlanda

3 – Intercâmbio profissional: tudo o que você precisa saber

Como posso trabalhar durante meu intercâmbio na Nova Zelândia?

Em tempos de crise muita gente tem visto no intercâmbio um bom caminho para buscar novas oportunidades. A moeda na Nova Zelândia é o dólar neozelandês, que geralmente vale menos que o dólar americano, mas mesmo assim é bastante valorizado em face ao real. Vamos ver como é possível trabalhar legalmente na Nova Zelândia?

1 – Work and Holiday Visa

Todos os anos a Nova Zelândia oferece 300 vagas para brasileiros trabalharem enquanto viajem pelo país. A forma de aplicação é relativamente fácil, pela internet, mas a procura é gigante, o que faz com as vagas acabem em questão de minutos. A próxima seleção será em 21 de agosto de 2017, às 19h00min pelo horário de Brasília. Marque na sua agenda, não custa nada tentar!

2 – Student Visa

Quem está matriculado num curso de inglês superior a 14 semanas tem o direito de trabalhar no país por no máximo 20 horas semanais. Os setores que mais contratam são o de serviço, hotéis, restaurantes, terceirizadas de limpeza. Não existe nível mínimo de inglês exigido, mas quanto melhor sua proficiência, mais oportunidades surgirão.

3 – Sponsored Visa

A Nova Zelândia precisa de muitos profissionais em diversas áreas. Engenheiros, arquitetos, construtores, enfermeiros, entre muitas outras. Conseguir um “sponsor” no país é conseguir uma empresa que te ofereça uma vaga de emprego. Eles justificarão junto a imigração o porquê da sua contratação.

intercâmbio na Nova Zelândia

A metrópole de Auckland

Caberá a você tratar de questões burocráticas como comprovação acadêmica, financeira e profissional para a imigração. É possível procurar oportunidades de trabalho ainda no Brasil. Use a tecnologia a seu favor, abuse de ferramentas como Linked In e aumente seu networking!

O ideal de um intercâmbio na Nova Zelândia ou em qualquer outro país é a sua entrega a uma nova realidade. Além do crescimento profissional, não nos damos conta dos benefícios de uma experiência dessas para a nossa vida pessoal. Nem toda mudança depende de grandes passos. Dê o primeiro, esse é o mais difícil, depois as coisas vão ganhando forma e rumo.

 

Como ter liberdade com a internet