Benefícios do vegetarianismo para você aderir à ideia

A cada dia que passa, mais e mais pessoas estão preocupadas com sua qualidade de vida e com o ambiente onde vivem e que deixarão para as gerações futuras. É inquestionável a mudança de comportamento da população nesse sentido, principalmente das grandes cidades. Com isso, assuntos como vegetarianismo e veganismos vieram à tona.

Benefícios do vegetarianismo

Conheça agora mesmo todos os benefícios do vegetarianismo.

Nunca se ouviu falar tanto nesses termos! Para você que quer saber mais, a gente conta tudo: desde sobre o que se trata até os benefícios do vegetarianismo. Vamos nessa?

O que é vegetarianismo?

Conforme o SVB (Sociedade Vegetariana Brasileira), vegetarianismo é o regime alimentar que exclui todos os tipos de carnes. Ou seja, qualquer pessoa que tirou a carne de sua alimentação é considerada vegetariana. Mas, antes de aprofundarmos ainda mais o assunto acerca dos benefícios do vegetarianismo, é preciso situar melhor sobre o que se trata. Afinal, dúvidas sobre esse tema são o que mais existem por aí.

1. Vegetarianos não comem só folhas

Uma das perguntas mais escutadas pelos vegetarianos é, sem dúvida, sobre o que ele come. Não, por mais incrível que pareça, vegetarianos não comem só folhas.

2. Não, os vegetarianos não comem peixe

Significado de peixe, segundo o dicionário Aurélio: “animal vertebrado que nasce e vive na água e que respira por guelras”.

Dieta vegetariana não tem peixe

Dieta vegetariana não tem peixe

Animal. Sim, peixe é um animal; por isso, por motivos mais que óbvios, não faz parte de uma dieta vegetariana.

3 – Há vários tipos de vegetarianos

O princípio básico do vegetarianismo é não comer carne. Por isso, não existe essa história de semivegetariano só porque come apenas peixe. No entanto, o vegetarianismo costuma ser classificado da seguinte forma:

  • Ovolactovegetarianos: não consomem nenhum tipo de carne, mas consomem laticínios e ovos.
  • Lactovegetarianos: além de não consumir nenhum tipo de carne, também excluem os ovos da dieta.
  • Ovovegetarianismo: utiliza apenas os ovos na sua alimentação.
  • Vegetarianos estritos: não consomem nenhum tipo de carne, laticínios ou ovos em sua alimentação.
Classificações do vegetarianismo

Classificações do vegetarianismo

  • Veganos: por motivações éticas, não consomem nada de origem animal, seja na alimentação como nas roupas que vestem, nos cosméticos que usam, nos espetáculos a que assistem. Ou seja, qualquer atividade que envolva sofrimento animal é excluída da vida de um vegano.

Por que ser vegetariano?

Razões para se tornar um vegetariano não faltam. Além dos benefícios do vegetarianismo, há questões éticas e morais, questões de saúde, de consciência com o meio ambiente e, até mesmo, de estilo de vida.

1. Ética

Aqui, os motivos são pelos animais. Afinal, são abatidos mais de 10 mil animais por minuto no Brasil, sendo a sua maioria frangos, porcos e bois – animais que sentem dor, sofrimento e alegria da mesma forma que os cães que temos em casa.

Por que ser vegetariano?

Por que ser vegetariano – ética

Quem apoia a causa, defende aquela máxima: “se você ama o seu cachorro ou gato, por que come um outro animal igualmente inteligente, fascinante, carinhoso e com personalidade?”

2. Saúde

Ter alimentação vegetariana não é necessariamente saudável; afinal, batata frita é, por exemplo, uma comida permitida. No entanto, o fato de tirar a carne da dieta só traz benefícios à saúde.

De acordo com inúmeros estudos científicos, o consumo de carnes está diretamente associado ao risco aumentado de doenças como diabetes, obesidade, hipertensão, colesterol alto e alguns tipos de câncer. Aliás, esse é um dos benefícios do vegetarianismo de que falaremos no próximo tópico.

3. Meio ambiente

É inquestionável a influência da pecuária no desmatamento de áreas verdes. No Brasil, já é comprovada que a maior parte do desmatamento da Amazônia tem sua origem na produção de carnes, laticínios e ovos.

Por que ser vegetariano

Por que ser vegetariano – Meio ambiente

Além disso, estima-se que os e contaminação de mananciais aquíferos do mundo e que cerca de 14,5% das emissões de gases do efeito estufa oriundas de atividades humanas têm origem no setor pecuário. Chocante, não?

4. Sociedade

Segundo a ONU, 97% do farelo de soja e 60% do milho produzidos globalmente são utilizados para virar ração para as fazendas e granjas industriais, produzindo alimentos a uma eficiência muito baixa. Ou seja: a produção de alimentos através da atividade pecuária não é apenas ambientalmente degradante, mas também contribui significativamente para o desperdício global de alimentos. Em um mundo com 1 bilhão de pessoas que passam fome, jogar toda essa comida no lixo é socialmente inaceitável.

Ei, se você tá curtindo este conteúdo relacionado à qualidade de vida, você precisa ver esses outros aqui de nosso blog:

1 – Os benefícios da meditação que você precisa saber

2 – Os benefícios do yoga para o corpo, mente e espírito

3 – Como fazer uma meditação diária?

Os benefícios do vegetarianismo

Os benefícios do vegetarianismo são os mais diversos e variados; por isso, fizemos uma lista para você. Assim, não há desculpas de que não sabia, hein?

  • Você se alimenta de consciência tranquila porque sabe que não está colaborando com a matança animal.
  • Você passa a se preocupar mais com o que ingere e, por consequência, com a sua saúde.
Os benefícios do vegetarianismo

Os benefícios do vegetarianismo – saudável

  • Reduz o cheiro do corpo, pois as pessoas que comem carne geralmente tendem a ter um odor corporal.
  • Estudos têm demonstrado que indivíduos em uma dieta vegetariana têm menores riscos de desenvolver câncer.
  • Os vegetarianos são menos propensos a doenças crônicas e obesidade.
  • As pessoas com uma dieta vegetariana tem melhor nível de colesterol.
  • Os vegetarianos estritos têm um risco 15% menor de morte em relação às pessoas que possuem uma dieta com carnes. Já os ovo-lacto-vegetarianos, 9% menor.
Os benefícios do vegetarianismo

Os benefícios do vegetarianismo – saúde

  • Você tem uma digestão melhor, já que não processará carne por horas em seu sistema digestivo.
  • Pessoas em uma dieta vegetariana têm níveis mais elevados de energia, pois ela não está concentrada em digerir a carne.
  • Por falar em digestão, os vegetarianos têm baixa incidência de mau hálito.
  • Por fim, é muito gostoso. Afinal, a criatividade rola solta no mundo dos vegetarianos.
Os benefícios do vegetarianismo

Os benefícios do vegetarianismo – alimentação gostosa

Viu só? Tornar-se vegetariano não é difícil e, muito menos, um sacrifício. Os benefícios do vegetarianismo são vários e, apesar de haver um bloqueio social, as vantagens superam qualquer desvantagem.

Se você realmente curtiu o nosso conteúdo, compartilhe com seus amigos! Se ficou alguma dúvida, deixe seu comentário mais abaixo. Antes que saia desta página para conferir um próximo conteúdo de nosso blog, deixe-nos compartilhar com você um vídeo bem interessante…

Como ter liberdade com a internet