Stopover – Tudo o que você precisa saber

Sabe quando você viaja com escala ou conexão e tem que passar horas mofando no aeroporto de alguma cidade do Brasil ou do mundo enquanto espera a continuidade da viagem? Pode ser um tanto quanto tedioso, não é mesmo? Afinal, o que fazer durante todo esse período de espera?

Mas e se a gente te contasse que é possível sair do aeroporto durante uma conexão, conhecer e passear pela cidade onde parou, ao invés de morrer de tédio em uma espera sem fazer nada?

stopover

Descubra tudo o que você precisa saber sobre stopover neste conteúdo.

Isso é chamado de stopover – e apesar do nome ser complicado, a explicação não é tão difícil assim. Dá só uma conferida.

O que é stopover?

É uma espécie de conexão voluntária. Vamos dar um exemplo para que você entenda direitinho como o stopover funciona. Imagine que você vai fazer uma viagem dos Estados Unidos para a China. Um trajeto longo, tendo em vista que a distância entre os dois países é de mais de 11,5 mil km.

No serviço, você como passageiro pode escolher fazer uma parada em um local no meio do caminho do percurso, onde a empresa aérea certamente fará uma escala ou conexão.

passeio - stopover

Troque as horas de espera no aeroporto por dias de passeio em uma cidade diferente

Por exemplo, se a parada for em uma cidade da Europa, você pode descer no local, levar as suas malas, hospedar-se em um hotel e passar uns dias no lugar, aproveitando para passear antes de continuar a viagem até seu destino final.

Todo mundo pode fazer stopover?

Depende da empresa contratada para a viagem. O stopover pode acontecer em viagens nacionais ou internacionais que contenham escala ou conexão.

Entretanto, é preciso organizar-se e pesquisar porque ele pode acontecer somente mediante autorização da companhia aérea e o acordo para que a parada ocorra deve ser feito antes da viagem.

ligação - stopover

Ligue para a empresa para saber como funciona o stopover.

Além disso, é importante saber que as empresas tanto podem cobrar pelo stopover como oferecer o serviço gratuitamente aos passageiros. O período de duração da parada também varia de acordo com a companhia aérea, porém, normalmente costuma ser de até 30 dias.

Antes de seguirmos em frente, dê uma olhadinha nestes outros artigos do Vida de Freesider que podem ser úteis para você:

1 – Aplicativos de viagem – os top 5 que todo viajante tem que ter

2 – Documentos para levar para Europa em 2017: tudo que você precisa saber

3 – Os mais imperdíveis destinos da América do Sul

As companhias e o stopover

Como as especificidades podem variar de empresa para empresa, a gente resolveu trazer como funciona o serviço de algumas conhecidas companhias aéreas. Confira na lista a seguir após o vídeo:

Stopover American Airlines

Segundo a revista Viagem e Turismo, a American Airlines passou a permitir o stopover em suas viagens internacionais sem que haja custos adicionais. Conforme a publicação, a companhia permite somente uma parada que pode acontecer na ida ou na volta da viagem.

Se um passageiro sai de Buenos Aires em direção a Cancún pela empresa, ele pode fazer uma parada em Dallas na ida ou passar uns dias em Miami na volta, como exemplificou a própria American Airlines.

miami - stopover

O passageiro pode solicitar uma parada em Miami em sua viagem de Buenos Aires até Cancún

A parada sem custo adicional da empresa vale para voos entre a América Latina, México, Caribe, Estados Unidos, Canadá, Europa e Ásia.

No entanto, em casos em que a taxa do primeiro ponto de entrada ou saída dos Estados Unidos for maior, o custo determinará o preço final do voo. Em casos de bilhete prêmio, o tempo de conexão não deve ser maior que 24 horas ou será validada uma segunda viagem prêmio.

Stopover Air France

No site, a empresa informa que é permitido adicionar uma parada de mais de 24 horas durante uma conexão entre dois voos. Para isso, a companhia aconselha a selecionar a opção Múltiplos Destinos (Multiples Destinations) ao fazer a reserva online.

Porém, a Air France alerta que o stopover pode ser feito somente quando as normas da tarifa do voo escolhido permitem a seleção – a maioria das regras das tarifas não flexíveis não aceitam a parada durante a conexão.

Stopover Alitalia, Delta e Gol

A parada solicitada da Alitalia não inclui os bilhetes prêmio do programa de milhagens da companhia, chamado MilleMiglia. Da mesma forma, o programa de milhagens da Delta, o Skymiles, proibiu as paradas solicitadas em suas passagens desde janeiro de 2015.

A Smiles, programa de milhagens da Gol, parou de emitir bilhetes com paradas solicitadas gratuitas entre os trechos de viagem em novembro de 2015, segundo o site Melhores Destinos.

Stopover Latam

Segundo a Latam, as passagens resgatadas pelo programa de fidelidade LATAM Pass permitem o serviço. Mas para contratar é preciso entrar em contato com a empresa e verificar suas condições. Vale ressaltar que a informação foi obtida por meio da versão em espanhol do site da empresa.

Stopover Avianca

A Avianca oferece a parada em Bogotá, na Colômbia, e isso exige o pagamento da taxa de embarque do aeroporto colombiano no ato da compra do bilhete.

Cuidados

O serviço realmente parece bastante vantajoso, mas é importante selecioná-lo com cautela e obter todas as informações possíveis com a empresa contratada antes de fechar o serviço ou mudar o plano de viagem por conta dele.

Estamos dizendo isso porque existe o registro de uma queixa no site Reclame Aqui de um usuário em relação à American Airlines. Na reclamação, ele conta que depois de ser informado que poderia fazer um stopover sem custo em Miami, de uma viagem de São Paulo para Cancún, a companhia avisou que ele não poderia mais fazê-lo e ofereceu a mesma parada, só que com custo.

O mesmo site apresentou queixas em relação ao stopover da Alitalia, em que uma usuária relatou ter visto no Twitter que o stopover da empresa era gratuito, porém, viu o preço do voo aumentar ao escolher a opção.

Para saber se a empresa dispõe do serviço, você pode procurar pela opção Múltiplos Destinos ao fazer sua reserva. Caso não encontre, o ideal é ligar para o SAC da companhia e confirmar se há ou não a parada solicitada e se ela é de graça ou pode trazer um custo extra a sua passagem.

Falando em passagem, quer descobrir dicas e sacadas de como adquirir passagens aéreas mais baratas para os seus próximos destinos? Então acesse este artigo que fizemos sobre como obter passagens aéreas mais baratas.

documentos - stopover

É preciso estar com os documentos em dia para entrar no país em que se deseja fazer a parada solicitada

Se o país onde acontecerá o seu stopover exigir visto de turismo, você deverá providenciar o documento. O custo ou gratuidade do serviço pode ser checado na hora da compra, mas mesmo quando ele é de graça, pode ser cobrada a taxa de embarque.

Como ter liberdade com a internet